Como economizar dinheiroTodo mundo sonha em ter uma reserva financeira para as emergências, ou até mesmo para realizar um sonho, seja ele uma viagem ou outro qualquer. E quando se está desempregado isso passa a ser uma necessidade e não apenas vontade, não é?

Mas quando as pessoas param para pensar nunca sobra nada no final do mês e acreditam que isso é impossível, mas com algumas dicas simples e cuidados é possível deixar seu cofrinho gordo e economizar dinheiro. Veja só!

1 – Tenha um controle

É fundamental saber onde está gastando e quanto, por isso tenha uma planilha, caderninho de anotações ou aplicativos para que saiba onde seu dinheiro foi utilizado.

2 – Evite o uso de cartões

Muita gente acaba pagando com cartão de crédito ou cartão de débito e, por não ver o dinheiro, acha que não tem nenhum problema e que pode gastar sem controle. Isso sem falar dos limites, que causam a impressão de um orçamento ainda maior.

O ideal é pagar tudo à vista e com dinheiro, pois dessa forma se tem um limite máximo para gastar e não há como ultrapassar.

3 – Cuidado com o celular

Um celular pós-pago pode ser um problema para quem fala muito ou não sai da internet, uma vez que a surpresa vem junto com a conta. Nesse caso o ideal é ter um celular pré-pago, pois assim você coloca apenas a quantidade de crédito que cabe no seu orçamento e consegue ter um controle maior dos gastos.

4 – Faça compras com uma lista

Na hora de ir ao supermercado vá com uma lista em mãos e compre apenas o que estiver nela. Se deseja comprar algum item supérfluo, como biscoitos e salgadinhos, especifique isso em sua lista e também a quantidade.

5 – Controle os seus passeios

Isso não significa ficar dentro de casa e não se divertir mais, mas sim limitar a quantidade de saídas na semana. Uma boa opção pode ser fazer reuniões em casa, pois essas costumam ser mais baratas.

6 – Cozinhe mais

Comer fora pode trazer um rombo no orçamento, por isso a dica é preparar mais as refeições em casa. Essas também podem ser levadas para o trabalho e, além de ajudar na economia, muitas vezes acabam sendo muito mais nutritivas.

7 – Cuidado com as promoções

Evite ficar lendo folhetos ou e-mails com promoções porque elas podem te induzir a comprar um determinado produto sem que esteja precisando dele, apenas por conta do preço. Apesar de parecer tentador dar uma olhadinha, restrinja-se apenas ao que realmente necessita naquele momento.

8 – Use pontos e cupons

Muita gente tem vergonha de usar cupons de desconto e trocar os pontos adquiridos com o cartão de crédito ou outro programa de recompensa, mas se você os tem, não tenha medo de usar. Eles podem garantir bons descontos ou até mesmo fazer com que consiga resgatar alguns produtos de graça, mas lembre-se de utilizar para o que precisa.

9 – Adote a prática do faça você mesmo

Pregar um botão, limpar a casa, pintar a perde e muitas outras tarefas podem ser facilmente realizadas por você, de uma forma muito simples. Assim, além de economizar com os serviços profissionais, ainda pode-se aprender coisas novas.

Para quem tem dúvidas de como fazer essas atividades, uma boa dica é pesquisar na internet, afinal, hoje se tem tutorial para quase tudo.

10 – Poupe com planejamento

Para quem está com muitas dívidas poupar pode parecer uma tarefa difícil, mas abrir mão de um sorvete ou de algum outro item simples já pode render 5 ou 10 reais.

Depois de organizar as contas é preciso planejar quanto se vai guardar por mês, por isso deve-se estabelecer os valores. E para quem acha que o valor é muito alto, uma dica é dividir a economia por semana ou mês porque a meta parece mais fácil de ser atingida.

[RICH_REVIEWS_SNIPPET category="page"]

O que você achou deste artigo? Sua avaliação é muito importante para nós!
Por favor, atribua uma nota:
[RICH_REVIEWS_FORM]